Acne

acne

Acne é o nome dado a espinhas e cravos que surgem devido a um processo inflamatório das glândulas sebáceas e dos folículos pilo sebáceos. É uma enfermidade bastante frequente na adolescência. Além disso, para quem sofre com o problema, temperaturas mais altas e o aumento da sudorese tendem a favorecer a oleosidade da pele. Dessa forma, aumentam as impurezas e a obstrução dos poros. As glândulas sebáceas aumentam a produção de sebo, devido à vasodilatação sanguínea.

 

Tipos de acne

 

Os tipos se subdividem em graus de acordo com a gravidade do caso:

 

  • Grau I: aqui, predominam os comedões, vulgarmente conhecido como cravos;
  • II: neste caso a acne é caracterizada pela presença de pápulas e algumas pústulas, de localização superficial na pele;
  • III: aqui, temos a formação de nódulos além das pápulas e pústulas;
  • IV: nesta situação, é a forma mais grave da acne, onde encontramos nódulos mais profundos, podendo formar abscessos e cicatrizes. 

Acne da mulher adulta

 

A acne também, às vezes, pode persistir até a idade adulta, principalmente nas mulheres. Isso acontece devido a alterações hormonais que, geralmente, exige um tratamento específico.

 

Então, a acne da mulher adulta aparece em mulheres com mais de 25 anos. Caracterizam-se por lesões inflamadas e dolorosas localizadas na região do queixo e pescoço.

 

Na mulher adulta, pode ter relação com problemas hormonais. Dentre eles, o mais frequente é o ovário policístico que está associado a ciclos irregulares, aumento do hormônio masculino, bem como alterações na glândula adrenal. Além disso, o estresse também pode desencadear a acne da mulher adulta. Então, frente ao quadro de uma mulher que nunca teve espinhas e logo após os 25 anos apresenta lesões pápulo pustulosas no queixo e pescoço, torna-se importante investigar a possibilidade de ovário policístico ou de distúrbios da glândula adrenal.

 

Veja também:

Cuidados da pele

 

A boa notícia é que podemos controlar a acne com alguns cuidados pessoais. Portanto, se houver necessidade, após a avaliação do dermatologista, com medicamentos específicos para este problema.

 

Um cuidado simples e muito importante é a escolha um protetor solar OIL FREE, que não possui óleos na sua composição. Óleos podem provocar obstrução dos poros, favorecendo o aparecimento da acne em todos os tipos de pele, e não só para quem tem pele oleosa. Além disso, evite lavar a pele com muita frequência, já que quanto mais ela for lavada, maior será o estímulo para a produção de sebo, agravando o quadro de acne. Lavar a pele duas vezes por dia é o ideal, uma vez pela manhã e outra pela noite.

 

Os cuidados com a prevenção são a melhor forma de você preservar a qualidade e a integridade da sua pele.

 

Tratamentos para acne

 

Quanto aos tratamentos, utilizamos medicamentos de uso tópico ou sistêmico e também o uso de tecnologias, como o laser e a luz pulsada para que a doença não deixe sequelas físicas e emocionais no paciente.

 

A grande maioria dos tratamentos para acne pode ser realizada em qualquer época do ano como, por exemplo, peelings químicos, luz pulsada (que tem ação anti-inflamatória), laser fracionado (para melhora das cicatrizes), desde que o paciente evite o sol e use protetor solar.

Tratamento para as cicatrizes de acne

 

O tratamento para as cicatrizes de acne é realizado através do laser fracionado com resultados bastante satisfatórios.

 

O mecanismo de ação do laser fracionado para tratamento das cicatrizes de acne ocorre através de um método que provoca um dano térmico profundo e fracionado, ou seja, a luz penetra na pele através de tuneis microscópicos, o que traz muita segurança ao método. A recuperação da pele na camada superficial ocorre rapidamente, mas o colágeno é estimulado profundamente, consequentemente levando à suavização das irregularidades do tecido e devolvendo uma pele mais firme e definida, com textura renovada e diminuição dos poros dilatados.

Tratamento da acne da mulher adulta

 

Nesse caso, pode ser tratada com antiandrogênicos orais, tratamentos tópicos e luz pulsada para diminuir as lesões inflamatórias. Vale lembrar que, na acne da mulher adulta, devido às suas características influenciadas por hormônios, não apresenta uma resposta adequada nem aos antibióticos sistêmicos nem à isotretinoína oral.

Tratamentos gerais

 

Outros tratamentos para controle da acne também podem ser realizados pela esteticista, como a “Limpeza de pele” que realiza uma extração mecânica de cravos e pequenos cistos presentes na acne.

WhatsApp chat