ROSÁCEA

ROSÁCEA

A rosácea é uma doença inflamatória crônica dos vasinhos da pele. Caracterizada por vermelhidão principalmente nas bochechas, queixo, fronte e nariz.

A rosácea é uma doença inflamatória crônica dos vasinhos da pele. Caracterizada por vermelhidão principalmente nas bochechas, queixo, fronte e nariz. Existem vários graus da doença:

o grau 1 apresenta apenas eritema, no grau 2 estão presentes pápulas ou pústulas (que lembram pequenas espinhas). Existem ainda casos com formação de nódulos e até um formas mais graves, em que pode haver acometimento ocular.

Pacientes que sofrem com a rosácea devem evitar usar cremes ou qualquer tipo de produto que aumente a oleosidade da pele – o ideal é procurar sempre produtos oil free.

Aconselha-se evitar também o uso de ácidos ou substâncias irritativas; existem no mercado ácidos que tratam a pele sem irritar. O ideal é consultar seu dermatologista e evitar a automedicação.

Alguns alimentos podem piorar a rosácea, e também devem ser evitados: bebida alcoólica, bebidas quentes, alimentos condimentados, cafeína.

Qual o melhor tratamento para rosácea?

Além do uso de produtos adequados (prescritos pelo dermatologista) recomenda-se a utilização da Luz Pulsada. Essa tecnologia é muito versátil, já que é possível atingir diferentes profundidades da pele, e assim tratar diferentes condições, como manchas, sardas, vasinhos, olheiras e rugas finas. A Luz Pulsada é uma excelente opção para associar aos tratamentos convencionais da rosácea, já que melhora a inflamação e os vasinhos dilatados que ficam aparentes na pele. Normalmente são indicadas de 3 a 5 sessões feitas mensalmente. A manutenção pode ser feita a cada 3 meses, dependendo do caso.

Consulte seu dermatologista!

No Comments

Post A Comment

WhatsApp chat