EFEITO LIFTING E FLACIDEZ FACIAL CONTROLADA COM ULTRASSSOM MICROFOCADO

EFEITO LIFTING E FLACIDEZ FACIAL CONTROLADA COM ULTRASSSOM MICROFOCADO

A flacidez facial é caracterizada pela falta de fibras de sustentação da pele, resultado da idade ou de um grande processo de emagrecimento. O ultrassom microflocado atua com precisão direta sobre a musculatura superficial da face.

A flacidez facial é caracterizada pela falta de fibras de sustentação da pele, resultado da idade ou de um grande processo de emagrecimento. Existem dois tipos de flacidez, a muscular e a dérmica. A flacidez muscular aparece em decorrência do desgaste das fibras de sustentação dos músculos. Já a flacidez dérmica, a mais comum, apresenta uma mera desorganização dessas fibras.

Dentre as principais causas da flacidez facial está o envelhecimento da pele. Com o passar do tempo, começamos a produzir menos proteínas que dão vigor e rigidez ao tecido cutâneo. O cigarro e as bebidas alcoólicas também são responsáveis pela perda de elasticidade da pele. Já no caso de alterações hormonais, decorrentes de obesidade e gravidez, o aparecimento da flacidez se dá principalmente em razão das mudanças de peso muito bruscas.

Um tratamento que pode acabar com a flacidez do rosto e do corpo é o ultrassom microfocado. Trata-se de uma tecnologia não invasiva, que atinge as camadas mais profundas da pele, aquecendo-as e causando microlesões. Assim, no processo de cicatrização o organismo produz mais colágeno, substância responsável pela firmeza da pele.

O ultrassom microflocado atua com precisão direta sobre a musculatura superficial da face e pescoço. O resultado imediato é perceptível, e melhora gradualmente no decorrer dos meses seguintes, reduzindo o número de sessões totais para até 2 ou 3 no ano.

O tempo de procedimento é de, no máximo, 50 minutos e os únicos efeitos colaterais que podem surgir são uma ardência leve e vermelhidão, que some em até um dia depois do ultrassom.

No Comments

Post A Comment

WhatsApp chat